h1

Resenhas – Fábulas do Tempo e da Eternidade

agosto, 3 - 2008

Fernando Trevisan escreveu uma resenha do Fábulas em seu site pessoal de tecnologia e divulgação literária. Adorei o texto e não é pelo fato do Fernando ser meu amigo, seus comentários são muito equilibrados quanto aos pontos positivos e negativos do livro. Coletâneas de contos, pela própria diversidade de temáticas, não são livros fáceis de se resenhar. Não é como um romance, que te faz embarcar em um único universo de características próprias e mais facilmente detectáveis. Mas o Fábulas também não é uma coletânea de contos soltos, independentes, ela compõe um multiverso de histórias interligadas, que traduzem um significado quando observadas individualmente e também como um todo, e é justamente essa característica “multiversal” que o Fernando capturou muito bem e comentou em sua resenha. O Fernando, pra quem não conhece, tem idade pra ser meu irmão mais velho e com seus poucos anos a mais ele já é um veterano em sua vida profissional (ligada à tecnologia de softwares e internet). Também cultiva uma paixão por literatura, gosta de escrever (e escreve muito bem!), é um leitor voraz e tem se tornado um grande divulgador da literatura de ficção científica brasileira.

Fernando, muito obrigada! 😉

Link para a resenha do Fernando.

E tem a resenha da Giseli Ramos, que também é engenheira de softwares, apreciadora de inteligências artificiais e enigmas matemáticos. E não é pela Gi ser minha amiga, beta-reader oficial (ou cobaia literária) e AAA (assessora para assuntos astrofísicos), a resenha dela é singela e direta, e tem a opinião de alguém que acompanhou o processo de escrita do livro. Devo à Gi a minha conversão na literatura cyber, pois foi através dela que conheci William Gibson e cia., e também o Fábio Fernandes (com A Construção do Imaginário Cyber), que acabou se tornando o prefaciador do Fábulas. Pressinto que daqui alguns anos, se o talento da Gi for devidamente reconhecido, verei essa menina trabalhando na NASA, ou talvez programando inteligências artificiais na IBM, ou construindo computadores quânticos, ou devassando a natureza da matéria negra interestelar em algum observatório astronômico digno do seu trabalho.

Obrigada, Gi! 😉

Link para a resenha da Giseli.

Anúncios

2 comentários

  1. Cris,
    A resenha do Fernando realmente ficou massa e espero que ele tenha acertado na intuição de que você vai escrever um romance hein? 🙂
    Obrigada pela menção, espero que meu futuro seja uma dessas possibilidades aí que tu falou 😀
    Bjos!


  2. Cris, valeu pelos comentários e pela divulgação da resenha! 🙂

    Pode deixar que eu também vou escrever mais de agora em diante, não só resenhas… :***



Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: