h1

A Globo e o Cidadão Kane

maio, 10 - 2009

Acabei de assistir pelo Google Videos a um documentário da BBC proibido no Brasil em 1993 sobre a hegemonia da Rede Globo na vida política, na cultura e no cotidiano dos brasileiros.

O documentário é um pouco datado (do começo da década de 90), mas curiosamente continua atualíssimo. Conta como uma das redes televisivas mais poderosas do mundo se formou e se instituiu através de uma escravização midiática com potencial de esculpir o consumo e o comportamento de uma nação. Apresenta em pormenores a longa relação das organizações Roberto Marinho com a ditadura militar, e também com os grandes senhores feudais da política brasileira – Antonio Carlos Magalhães, José Sarney e Fernando Collor – e como ela ajudou a entroná-los através de uma abertura política nem tão democrática assim.

Participam desse documentário Chico Buarque, o publicitário Washington Olivetto, o antigo líder sindical e nosso atual presidente Lula e alguns ex-diretores e executivos da Globo demitidos ou aposentados do cargo.

Em conclusão, esse documentário me fez sentir um imenso alívio por viver nos tempos da internet, que nos trouxe a democracia da informação e a maravilhosa oportunidade de podermos simplesmente  ignorar o pão e circo diário das redes de televisão.

Embora o legado continue, o marajá das organizações Globo se foi de velho, bem como alguns de seus aliados políticos. Outros, no entanto, estão vivíssimos, um ocupando a presidência do senado (e uma cadeira de imortal na ABL!), outro – quem diria –  superou seu passado político e hoje ocupa a presidência da comissão de infra-estrutura do senado.

Que o cidadão Kane puxe seus pés de noite.

Anúncios

3 comentários

  1. Bela dica, Cris. Já tinha ouvido falar de um documentário desse tipo (será o mesmo?). Vou conferir. 😉


  2. Pois é Cris, apesar de não ter visto o documentário em questão, sei que a sujeira vem de longe….

    Achavam que o Brizola era paranóico, mas ele tinha uma certa razão.


  3. Ja vi esse documentário, a globo por causa desse poder de alienar, influenciar vários setores brasileiros, já teve até fama de ter parte com seitas religiosas, francamente nunca gostei da emissora, raramente há algo de bom para ver e sem tirar nessa questão da politica e etc.



Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: