h1

Meninas nerds também dançam!

junho, 20 - 2009

Apresento a vocês meu mais novo e doce frenesi: 

gothic bellydancer

O estilo se chama Tribal Fusion. Basicamente, uma dança do ventre repaginada com mil influências modernas, variando do indígena ao metaleiro gótico.

Estranho? Pois dá uma olhada no visual das bailarinas, inspirando algo entre musas tântricas e odaliscas pós-apocalípticas. As roupas são confeccionadas com elementos de raiz (como couro, penas, conchas, flores, ossos) e um leve tempero futurístico (aço, vinil, tecidos sintéticos). Maquiagem carregada. Tatuagens. Muitos apliques no cabelo, dreadlocks e rastafári.

E a dança? A dança só vendo pra entender… Aliás, não veja, não. SINTA!

A Sharon Kihara, acima, virou minha deusa de devoção em poucos movimentos. Como você pode ver, são sutis e muito sinuosos, explora todas as potencialidades do corpo feminino. Comparado com a dança do ventre, o tribal fusion alcança um resultado mais lisérgico e estupidamente sexy!

shronimage2

Esta outra é uma versão um pouco mais movimentada (e ao que parece, mais mesclada à dança indiana):

A Michaal é uma dançarina japonesa. É um deleite vê-la requebrar assim, maravilhosamente; sobretudo se você pensar nas danças tradicionais japonesas, com suas mulheres engessadas dentro de cinco camadas de quimono.

rachel-brice-looking-down

E finalmente chegamos à Rachel Brice, que é a própria mulher-serpente e, de acordo com o que dizem, a mais conhecida bailarina de dança do ventre da atualidade. Ela usa movimentos cuidadosos e muita técnica (não se iluda, não é tão fácil quanto parece dançar assim!). A performance dela é uma completa hipnose:

Como disse, a receita do tribal fusion é a mistura de estilos. Uma das tendências mais interessantes na minha opinião é o Gothic Fusion (ou Gothla), a dança do ventre gótica; vertente que permite devaneios modernos, usando ritmos mais agressivos como heavy metal, eletrônico, eletropunk… Dá uma olhada:

Ah, e agora a novidade: me matriculo na segunda!! Ou melhor, NOS matricularemos, já que minha amiga Camila Fernandes também foi brutalmente seduzida pelo tribal fusion (como ela confessa em seu blog), e a Viviane também. E parece que a Giseli vem assistir aula com a gente, né Gi?

ariellah

E assim ficou profetizado que o mundo será dominado por uma legião de mulheres-serpente!

Anúncios

33 comentários

  1. 8-o……. (quando meus neurônios voltarem ao steady-state, eu posto alguma coisa coerente aqui.Juro.)


  2. Que fique claro: só vou assistir =P Er, vai que me anime e me matriculo também, mas só depois de ver se levo jeito pra dança rs.


  3. Essas danças precisam de processadores quadcores e memórias de alto desempenho para conseguir coordenar e acompanhar tudo. Ainda preciso fazer um benchmark do meu hardware para ver se dou conta rs.


    • E aí, Gi, achou difícil?
      Precisa de um processador mais avançado? rs
      Não tem problema. O meu 486 ainda não voltou à normalidade.


  4. É nóis, Cris! Chegaremos lá!
    Acho que vou seguir o conselho da Gi e ver se descolo um processsador melhorzinho para meu cérebro computar esses movimentos todos!
    Ah, deu um tilt qualquer no meu navegador e o meu post lá no blog saiu antes da hora. Isto é, ele foi atualizado depois da sua passagem com algumas fotos de divas tribal fusion e algumas pinturas de dança flamenca. 😉


    • Não se esqueça: punta-taco-tacón!


      • O David não me deixa esquecer. :-S


      • O David não me deixa esquecer. Ele fica lá: “Queisso, tá fazendo tacón?”
        :-S


  5. “Brutalmente seduzida”… é, acho que a palavra é BRUTAL mesmo.

    Cara, eu quero esses apliques de cabelo com ar meio cyber da primeira foto. :-S


    • Achei a ideia da cyber-odalisca ótima!

      Só sei que EU QUERO VER A ARIELLAH AO VIVO EM JULHO!!!
      E a Sharon Kihara ***aaahhn!***


  6. Ri muito qdo vi o título do seu post!! =DDDDDD
    É isso aí, Cris!!!
    Manda ver!!
    Fico extremamente feliz por vc ter sido contagiada pelo espírito da serpente!!! rsrsrs
    Fora que o visual do Tribal nos seduz mesmo!
    Estou ouvindo agora as músicas que vc mandou!
    Vc se saiu bem na aula de Dança do Ventre! Fiquei com receio de que talvez vc fosse ficar constrangida por ter poucas alunas na sala! Mas sério mesmo, acho que vc se sentiu bem à vontade! Só faltou a Camila! Muitos beijos e muita dança!! 😉


    • Pois é, Vivi! Eu até já me matriculei! XD

      A dança do ventre dá uma base boa pro tribal fusion. Como eu estava dizendo pra Mila, achei melhor fazer uma coisa só e tentar fazer direito.

      E vc já manda muito bem na dança do ventre! É nossa inspiração.

      Bjos!


      • Mas eu, como sou megalomaníaca e sem noção, resolvi fazer logo de uma vez 2 coisas bem difíceis, rs rs rs. Vamos ver no que me saio bem, se ao cabo de 3 meses fico em uma só, nas duas ou em nenhuma. 😛


  7. Po, gostei, vou catar pra ver se tem aula aqui no Rio.

    (Tá certo que como serpente eu tô quase uma sucuri depois de comer uma capivara mas é serpente anyway)


    • Ana!! Haha, tô falando? Ninguém resiste! 🙂

      Eu acho que no RJ tem sim! Sei que tem uma dançarina carioca chamada Carol Schavarosk (saúde!) que estará dando workshop de tribal fusion em São Paulo, em julho, na mesma época do Fantasticon.

      Ah, e não se preocupe. Como eu estava contando pras meninas, na primeira aula eu não me senti serpente coisa nenhuma, tava mais pra baleia branca encalhada…

      Já sabe, depois vem dançar com a gente! 😉


  8. Ei, onde é isso???
    Vocês, viu?


  9. Que resultado sairá quando a extrema racionalidade da intelectual se encontrar com a sensualidade à flor da pele da dançarina ?

    Parece que a resposta é: Agora as garotas nerds também pensarão com os seus quadris…


    • O que nos aproximará mais dos garotos nerds, já que eles também pensam com seus xapralá. 😉


  10. Minha linda Cris, você já era linda mas agora com esta fase Tribal Fusion está mais bela ainda! Continue contagiando outra meninas “nerds” rsrsrs

    Prometo que o ano que vem estarei devidamente “mordida” pela Serpente Odalisca dentro de mim! rs

    Beijos

    Patty


  11. Oi Patty!
    Obrigada. Espero que passe logo essa maré bravia e depois, na calmaria, venha dançar com a gente.

    Beijão


  12. Tem uma muito foda também, a Zoe Jakes, além do tribal fusion, ela mistura break em suas coreografias…. Fodástica!!!!

    Estou me dedicando para dançar assim num futuro não muito distante!!!!


    • Oi Elis,

      A Zoe é simplesmente maravinífica! Sou fã também.
      Bastante empenho, depois me chame para a apresentação!


  13. Todo mundo dança uns gostam mais outros menos, é uma forma de expressão corporal mas as pessoas nem se dão conta disso! rs
    Tb pratico e estudo danças orientais já faz um tempo e oq mais me fascina é a infinidade de possibilidades como as fusões.A fusão de tribal com bellydance foi uma das maiores sacadas das americanas, extensamente divulgado pelas BDSS (Bellydance Super Stars) e deu super certo! Existem outras coisa interessante como a fusão com tango.
    Acabei de criar um blog no wordpress e prometo alimentá-lo com boas referências de dança oriental.
    Bjs!


    • Depois me passe o endereço, ficarei feliz em linkar!
      Beijos


  14. Oi Cris

    Vc continua fazendo Tribal Fusion?
    Por acaso poderia me indicar algum lugar para fazer aula aqui em SP? Obrigada!

    Bjs
    Ju


  15. Oi Ju! Eu não estou dançando. Mas conheço duas professoras ótimas: a Marilia Botton Lins e a Rebeca Piñeiro. Procura elas!
    Beijos


  16. Oi Cris! Acabo de ler seu texto e comentários sobre o tribal e devo admitir que amei a forma como vc coloca. Também fui arrebatada para essa nova descoberta de movimentos hipnóticos…rs. Descobri por acaso a um tempinho atrás, procurando vídeos no youtube sobre algo nada haver e apareceu Rachel numa montagem de música e tals, parei e pirei. Fui pesquisar a respeito e é claro, correr desesperamente atrás de alguma professora desse estilo de dança. Depois de um tempo, encontrei /. Comecei as aulas e infelizmente tive de parar, agora voltei e terei minha primira apresentação no grupo daqui 2 dias.
    Muiiiiiiiito ansiosa e feliz! Amo…amo…e amo o tribal!

    Obrigada por essa definifição!
    Bjos
    Vanessa


  17. definição*


  18. Conseguiste colocar em palavras o que sinto! Obrigada!



Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: