Archive for 30 de outubro de 2011

h1

Simples assim

outubro, 30 - 2011

Deveria ser simples, mas por que para tantos é tão difícil encarar a realidade nua e sem mistérios?

Esta poderia ser uma das inumeráveis reflexões “por que sou eu a ver as coisas de um jeito diferente?”

Não sei se me atrevo a responder (hoje estou com preguiça retórica). Apenas queria dizer que sou do tipo que prefere ficar suspensa no vácuo de uma pergunta a abraçar uma resposta fabricada.

Tenho direito a um mundo desassombrado. Quero minha vida sem anestesia. E no meu funeral, nada de velas. Não tenho medo do escuro, deixe que as luzes se apaguem quando anoitecer.

Anúncios